O Perdão ensinado por Jesus | IAVB - Igreja Apostólica Vale da Bênção

O Perdão ensinado por Jesus

O PERDÃO ENSINADO POR JESUS  

Texto = Mateus 18:21-35.

Introdução: Você tem facilidade em perdoar as pessoas? O perdão traz cura onde a mágoa gerou doença. O perdão traz reconciliação onde a mágoa gerou afastamento. O perdão traz alegria, onde a mágoa produziu tristeza e dor. O perdão é uma das colunas do cristianismo, é impossível desenvolvermos um relacionamento com Deus, falhando no perdão e amor com as pessoas. Vejamos algumas lições sobre o perdão:

1 – A falta de perdão causa resistência a nossa adoração. 

No texto de Mateus 5:23-24, Jesus ensinou que se alguém for levar uma oferta no altar e lembrar que alguém tem alguma coisa contra ele, esta pessoa tem que deixar sua oferta no altar e ir primeiro se reconciliar com a pessoa ofendida. Deus não recebe ofertas de louvor, adoração, ou ainda oração de pessoas com o coração ressentido. O que é perdoar para você?

2 – A falta de perdão traz perturbação e contamina a muitos. 

O texto de Hebreus 12:14-15 diz que a raiz de amargura traz perturbação na vida da pessoa. O texto também deixa claro que a raiz de amargura quando tolerada no coração, pode contaminar outras pessoas. Quando uma pessoa decide não perdoar, ela traz perturbação pra sua vida e também sua família.  Porque as pessoas tem tanta dificuldade em perdoar?

3 – A falta de perdão gera enfermidades e nos impede de sermos curado. 

Doenças misteriosas, úlceras e outras enfermidades, muitas vezes são causadas por falta de perdão. Lemos no Salmo 103:3 que antes de Deus nos curar Ele nos perdoa. Em Mateus 9:2 diz que antes de Jesus curar o paralitico, Ele perdoou seus pecados. De fato Jó 5:2 diz que “o ressentimento destrói”.

4 – A falta de perdão nos impede de receber o perdão de Deus. 

Em Mateus 6:14-15 Jesus deixou muito claro, que se não perdoarmos aos homens as suas ofensas, Ele também não perdoará a nós. A falta de perdão fecha a porta dos céus na vida da pessoa. Se não temos o perdão de Deus, também não temos a Sua graça, a Sua benção sobre nós.

CONCLUSÃO:

O perdão não é um sentimento, também não é apenas uma confissão de lábios vazios, mas sim uma atitude de coração. Quando realmente perdoamos uma pessoa, nosso relacionamento com ela passa a ser como antes da ofensa. Que possamos tomar posse de um coração transformado pelo amor e perdão de Deus.

Que Deus nos abençoe,

 

Ap. Milton Rocha Paes