Ensina-nos a Contar os Nosso Dias | IAVB - Igreja Apostólica Vale da Bênção

Ensina-nos a Contar os Nosso Dias

ENSINA-NOS A CONTAR OS NOSSOS DIAS

Texto = Salmos 90:12.

Introdução: A vida é um dom de Deus! Quando nascemos temos um propósito estabelecido por Deus para cumprirmos enquanto vivermos. A Bíblia ensina que em tudo devemos dar graças a Deus. Agradecer a Deus é um ato de reconhecimento por aquilo que Ele tem feito. E o Salmista está pedindo a Deus para nos ensinar a ser grato pela vida, pelos dias que nós vivemos. Ao dizer: ensina-nos a contar os nossos dias... 

A nossa vida em via de regra é composta de três fases: 

Primeira fase Adquirimos forças; 

Segunda fase Estamos em nosso potencial máximo; 

Terceira fase Perdemos forças. 

Vejamos a respeitos dessas fases:

1 – ADQUIRIMOS FORÇAS. Está é fase da infância e da adolescência. É a fase em que nós aprendemos a falar, engatinhar, andar, comer, correr, escrever e a ler. É a fase dos porquês, das curiosidades e das descobertas. É por isso que a Bíblia diz: “Ensina a criança no caminho que deve andar” – Pv.22:6. É a fase que formamos o nosso caráter e moldamos a nossa personalidade. É a fase do crescimento e das preferências. E para esta fase há uma recomendação bíblica: “Crescei na graça e no conhecimento de Cristo Jesus” – II Pedro 3:18. Jesus passou por esta fase, em Lucas 2:52 diz: “E crescia Jesus em sabedoria, e em estatura, e em graça para com Deus e os homens”.

2 – ESTAMOS EM NOSSO POTENCIAL MÁXIMO. É a fase da juventude, do vigor, da força, do alistamento, do vestibular, dos cursos e dos concursos. O apóstolo João disse: “Eu vos escrevi, jovens, porque sois fortes, e a palavra de Deus está em vós, e já vencestes o maligno”. (I João 2:14). Existem vários exemplos na Bíblia de jovens que foram chamados por Deus e fizeram a diferença em sua geração. A equipe ministerial de Jesus em sua maioria era formada de pessoas jovens.

3 – PERDEMOS FORÇAS. É a fase da velhice, da experiência, da maturidade, dos conselhos sábios e das orientações seguras. Onde já não temos as mesmas habilidades que tínhamos na juventude, a mesma garra e a mesma disposição. Fase esta onde começam a aparecer algumas dores em nosso corpo físico, alguns desconfortos e algumas limitações. Os sentimentos ficam mais sensíveis e as lembranças surgem em nossa mente nos mostrando que o tempo passou rapidamente. É o tempo de brincar com os netos e rever alguns conceitos e atitudes pessoais que tivemos no passado. Porém, para esta fase da vida a Bíblia diz: “Mas os que esperam no Senhor renovarão as forças, subirão com asas como águias; correrão, e não se cansarão; caminharão, e não se fatigarão. (Isaias 40:31). 

CONCLUSÃO: Deus quer que seus filhos sejam felizes e gratos; e há muitos textos bíblicos que nos exortam a sermos agradecidos. Ser grato também é andar por fé, sabendo que Deus está no controle de tudo e que todas as coisas que nos acontecem podem ser usadas, segundo a sua misericórdia, para o nosso próprio bem. Portanto, quando louvamos a Deus, estamos declarando nossa gratidão, e reconhecendo que ele é bom, e o que ele faz é sempre o melhor para nós. Deus nos ama e mostra o seu amor em tudo que faz por nós. Devemos viver constantemente agradecidos ao Senhor.

Ap. Milton Rocha Paes