O JUSTO E O ÍMPIO | IAVB - Igreja Apostólica Vale da Bênção

O JUSTO E O ÍMPIO

O JUSTO E O ÍMPIO

 

Texto = Malaquias 3:18. 

“Então, vereis a diferença entre o justo e o ímpio; entre o que serve a Deus, e o que não o serve”.

 

Introdução:

Existe uma diferença entre o justo e o ímpio perante Deus. O Salmo primeiro nos fala a respeito desses dois personagens, mostrando-nos as diferenças entre os dois. Vamos analisar o que a Bíblia nos ensina: 

 

1 – Os Justos.

Já no versículo primeiro a Bíblia nos diz: Bem-Aventurado o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores

A palavra bem-aventurado significa feliz, realizado. Então, é feliz aquele que teme a Deus e respeita a sua Palavra, meditando nela de dia e de noite. (Sl.1:2).  

O justo também é comparado a uma árvore frutífera, conforme descreve o versículo três: Pois será como a árvore plantada junto a ribeiros de águas, a qual dá o seu fruto no seu tempo; as suas folhas não cairão, e tudo quanto fizer prosperará.

Existe uma promessa de recompensa para aquele que procura andar nos caminhos do Senhor: “Tudo quanto fizer prosperará”. Isso é maravilhoso! Aleluia!

 

2 – Os Ímpios.

Sobre os ímpios a Bíblia diz que não existe estabilidade, não existe firmeza, pois, são facilmente espalhados pelo vento, conforme o versículo quatro: “Não são assim os ímpios; mas são como a moinha que o vento espalha”. Isso quer dizer que não há um futuro garantido de paz e salvação para o ímpio, pois no versículo cinco está escrito: Por isso os ímpios não subsistirão no juízo, nem os pecadores na congregação dos justos. Não existe possibilidade de permanecer juntos sem professarem a mesma fé e mesma crença. Não existe possibilidade de servir a dois senhores ao mesmo tempo. São como dois polos positivo e negativo se aproximarem-se haverá um curto circuito. Por isso mesmo no versículo seis está escrito:  Porque o Senhor conhece o caminho dos justos; porém o caminho dos ímpios perecerá.

 

Conclusão:

É importante servir a Deus de todo o coração, obedecendo fielmente aos seus mandamentos, pois chegará um dia que haverá uma separação entre os justos e os ímpios.

Em Mateus 13:49 e 25:46 está escrito: 49- Assim será na consumação dos séculos: virão os anjos, e separarão os maus de entre os justos, 46- E irão estes para o tormento eterno, mas os justos para a vida eterna.

Portanto, a decisão é sua. Você escolhe qual será o final da sua história.

 

 

Ap. Milton Rocha Paes